h1

a noite vem do esquecimento da voz

Agosto 23, 2007

«eis a última visão do deserto… um mar triste
uma canção de abandono sobre a boca… o sonho
invadindo a vida que me enche de sede…
… mas vai chegar o inverno
o corpo afrouxar-se-á como o fazem algumas flores
ao cair da noite dobram-se para o fulcro  morno da seiva
e cismam um sonho de ave que só a elas pertence…»

Al Berto, O Medo (pp. 313)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: